Restabelecer o equilíbrio do corpo por meio de necessidades imediatas gerando o alívio da dor e a diminuição do processo inflamatório.
   Tratar a causa dos sintomas – recuperando a amplitude de movimento articular e redução de tensões musculares.
   Enfocar a prevenção, saúde e bem estar – promovendo uma melhora na qualidade de vida com o desenvolvimento da consciência corporal.
   
   Na primeira avaliação o quiropraxista segue um padrão seqüencial a fim de diagnosticar e tratar a disfunção, reestruturando a postura do paciente, liberando a compressão articular e evitando limitação da amplitude.
   
 

Anamnese

   A conversa inicial é baseada em um questionário que visa conhecer o perfil do paciente bem como suas atividades laborais e identificar a causa de seus sintomas além do tipo de dor e quanto tempo ela está presente no organismo.

 
                       
 

Exame Clínico Geral

   Neste exame o quiropraxista busca uma avaliação como um todo. É a saúde do indivíduo mostrado através de um quadro clínico geral. A análise busca informações que possam complementar a anamnese por meio de uma verificação em todos os sistemas do corpo.

 
 

Análise Ortopédica

   Avaliar e detectar os problemas são sempre muito importantes. Os testes ortopédicos direcionados a cada segmento articular, auxiliam no diagnóstico e diminuem o tempo do tratamento.

 
     
 

Avaliação Radiológica e Laboratorial

   Exames de imagem ou laboratoriais são um complemento no atendimento do quiropraxista. Eles informam principalmente a localização exata e o quanto de alteração está ocorrendo na região comprometida.

   

Avaliação Quiroprática

   O quiropraxista verifica através da palpação a necessidade do ajuste em cada segmento. Uma consistente análise é feita através do comprimento das pernas por meio de movimentos específicos também auxilia no julgamento feito para a execução do ajuste.

Ajuste

   O ajustamento, quando indicado, é muito específico e indolor. Ele é feito de maneira eficaz com baixa amplitude de movimento, baixa força e alta velocidade. Correção do Dano Acumulado.

 
 
   
   O tempo de recuperação varia com a condição física, atividades laborais, posturas estáticas, cargas, sono. Na grande maioria dos casos, com quatro sessões o paciente já tem uma resposta significativamente positiva. O retorno às atividades corriqueiras é rápido, não havendo a necessidade de afastamento do trabalho.