10/06/2009 - Radiculopatia Cervical

            Localizada na coluna cervical e também conhecida como cervicobraquialgia, é causada pela compressão, irritação ou estiramento da raiz nervosa, além de estenose vertebral.

            O achado é comum em mulheres com idade igual ou maior aos 35 anos; índice que ocorre com menos freqüência em homens. São inúmeros os sintomas causados por esta disfunção, entre eles percebe-se dor em queimação profunda, dormência, fraqueza e diminuição da sensibilidade nos membros superiores. Além disso, pode desencadear crises de cefaléia que se prolongam por períodos indeterminados.

            Para chegar ao diagnóstico é preciso que se faça uma avaliação no histórico do paciente além de uma análise clínico/físico por meio de testes e exames.

            A intervenção nessa disfunção é feita com tratamento quiroprático, podendo concomitante ter o uso de tração, caso não haja contra indicações, repouso, uso de gelo, progredindo para calor para reduzir os sintomas, correção postural. O uso de medicamentos, quando necessário, e a indicação cirúrgica em quadro grave são feitos por um médico.

            Dependendo do grau, a melhora do paciente é percebida em aproximadamente quatro consultas por meio do tratamento de quiropraxia, com diminuição da intensidade da dor, melhora na amplitude de movimento e aumento da sensibilidade. Há casos em que ocorre a remissão quase que total dos sintomas.